O mundo atual se encontra cheio de situações complexas diante das quais não sabemos como responder. Por essa razão, não é de estranhar que a cada dia existam mais pessoas que manifestam nervosismo.

Quando alguém tem nervosismo ou ansiedade, este se encontra agitado, irritado, inseguro e não pode afastar da sua mente as preocupações sobre situações (problemas econômicos, de trabalho, doença, etc.), muitas delas ainda não concretizadas que podem surgir no futuro.

Os sintomas físicos mais comuns que acompanham o nervosismo são:

  • Pressão arterial elevada.
  • Excitação permanente.
  • Taquicardia.
  • Sensação de sufocar ou agitação.
  • Movimentos repetitivos.

Embora na maioria dos casos, o nervosismo possa ser facilmente superado, sempre existe algum momento em que resulta conveniente o uso de remédios naturais para aliviar a sua intensidade.

Remédios Caseiros para Nervosismo:

  • Ferva durante 10 minutos 1 litro de água, depois despeje 30 gramas de manjerona e 30 gramas de erva-cidreira. Cubra e deixe em infusão durante 20 minutos, coe e distribua em 6 partes que devem ser bebidas 2 vezes por dia em três dias.
  • Lave e descasque 2 maçãs. Coloque estas no liquidificador com um pouco de água. Bata por alguns instantes, em seguida, ferva este suco em um recipiente e quando atingir o ponto de ebulição, adicione uma pitada de sal, misture tudo e beba duas vezes por dia, ainda quente.
    Remédios Caseiros Para Nervosismo
  • Despeje uma colher de chá de erva-cidreira em 1 xícara de água que está fervendo. Cubra e deixe esfriar um pouco. Tome, ainda quente, 1 xícara com a qual se consegue relaxar o organismo e afastar, desta forma, o nervosismo.
  • Ferva durante 5 minutos, ½ colher de chá de erva-cidreira, ½ colher de chá de valeriana e ½ colher de chá de passiflora em 1 xícara de água. Após este tempo, retire do fogo e deixe esfriar um pouco. Tome, ainda quente, uma xícara desta infusão.
  • Lave, descasque e retire o suco de 2 tangerinas grandes e misture com um pouco de água. Tome este suco várias vezes ao dia, se achar conveniente. Outra opção consiste em consumir diretamente a fruta. A tangerina contém cromo um mineral que ajuda a equilibrar o sistema nervoso.
  • Despeje 2 colheres de sopa de valeriana em 1 xícara de água que está fervendo. Cubra e deixe esfriar. Coe e beba 2 xícaras por dia.
  • Consuma um talo de aipo cru, previamente lavado, em saladas, já que este vegetal ajuda a equilibrar o sistema nervoso.
  • Despeje 2 colheres de sopa de tília em uma xícara de água que está fervendo. Cubra e deixe esfriar. Coe e tome 2 vezes ao dia.
  • Leia: “Remédios Caseiros Para Tiques Nervosos”.

  • Despeje em uma xícara que contenha água que esteja fervendo 2 colheres de sopa de flores de lavanda. Cubra e coe. Em seguida, combine com a água do banho. Tome um banho de 15 minutos.
  • Ferva durante 10 minutos, um punhado de folhas de alface em 1 litro de água. Retire do fogo, deixe esfriar e coe. Tome 2 xícaras diárias desta preparação e se desejar pode adicionar um pouco de mel. A alface é considerada um calmante natural que ajuda as pessoas que sofrem de nervosismo ou insônia.
  • Ferva durante 5 minutos, 1 colher de chá de flor de laranja em 1 xícara de água. Deixe que o aroma que desprende encha o quarto onde se encontra a pessoa com nervosismo.
  • Despeje 8 gramas de lavanda em uma xícara de água que está fervendo. Cubra e deixe em infusão. Beba 2 xícaras diárias após as refeições. Este remédio também ajuda a melhorar a digestão.
  • Despeje uma flor de maracujá em uma xícara de água que está fervendo. Cubra e deixe esfriar. Misture esta infusão com 1 copo de suco de maracujá e 1 colher de sopa de mel. Tome como refresco 2 copos por dia.
  • Misture partes iguais de verbena, limão e erva-cidreira em um recipiente e extraia 1 colher de sopa. Despeje em uma xícara de água que está fervendo. Cubra e deixe esfriar. Tome uma xícara quando sentir necessidade.
  • Despeje 20 gramas de alecrim em um litro de água que está fervendo. Cubra e deixe esfriar. Tome ao longo do dia.
  • Coma diariamente quatro tâmaras, já que é uma excelente fonte de minerais que ajudam a reduzir o nervosismo.
  • Extraia uma colher de sopa rasa de uma mistura, em partes iguais, das seguintes plantas: passiflora, Artemísia, flor de laranjeira, hissopo e tília. Em seguida, despeje em uma xícara de água que está fervendo. Beba 3 xícaras por dia. É um remédio calmante.
  • Despeje uma colher de chá de camomila em uma xícara de água que está fervendo. Tampe, coe e deixe esfriar. Tome uma xícara por dia. A camomila é utilizada em muitos remédios, que incluem os digestivos e anti-inflamatórios, mas também tem um efeito relaxante ideal para os casos de nervosismo.
  • Despeje 4 gotas de óleo de camomila, 2 gotas de óleo de laranja, 3 gotas de óleo sálvia e 1 gota de óleo de vetiver em uma bacia ou banheira com água quente. Mergulhe nela por 20 minutos. Repita este remédio, conforme necessário.
  • Despeje 3 gotas de óleo de camomila, 1 gota de óleo de cedro, 2 gotas de óleo de tomilho, 1 gota de óleo de laranja e 2 gotas de óleo de pinho em uma bacia ou banheira de água quente. Mergulhe na banheira por 20 minutos. Repita conforme necessário
  • Dispense 2 gotas de óleo incenso, 2 gotas de óleo de néroli, 2 gotas de óleo de gerânio e 2 gotas de óleo de patchuli em uma bacia ou banheira cheia de água quente. Desfrute desta água tranquilizante por um período de 20 a 30 minutos.
  • Misture uma xícara de água fervendo, duas colheres de sopa de mel e o suco de um limão. Tome uma xícara de manhã e outra antes de dormir.
  • Com 5 gramas de flores de primavera e meio litro de água fervendo, prepare uma infusão de propriedades calmantes. Tome duas ou três xícaras por dia. Se tomado por muito tempo, pode causar urticária. Não tome por mais de catorze dias seguidos e suspenda se aparecem esses sintomas.
  • Despeje 1 colher de chá de orégano em uma xícara que contenha água quente. Tome de três a quatro xícaras por dia, convenientemente espaçadas. Indicado não apenas para aquelas pessoas com nervosismo, mas também para aquelas pessoas com medos, tontura, insônia, etc.
  • Com 6 ou 7 gramas de sementes de endro em um litro de água fervendo se prepara em um chá que deve ser tomado várias xícaras por dia.
  • Ferva 20 gramas de flores de lúpulo em 1 litro de água durante 10 minutos, tome 2 xícaras por dia. Este remédio também é usado em casos de falta de apetite.
  • Ferva por cerca de 10 minutos 15 gramas de folhas e flores de laranja amarga em 1 litro de água. Adicione a preparação na água do banho.
  • Faça uma infusão de 30 gramas de planta seca de pé leão em 1 litro de água por 10 minutos. Beba 3 xícaras por dia.
  • Leia: “Ataques de Pânico – O que é, Sintomas e Dicas de Como Tratar os Ataques de Pânico”.

  • Misture, em partes iguais, sabugueiro e raiz de valeriana. Extraia 1 colher de sopa da mistura e despeje em uma xícara de água que está fervendo. Cubra e coe. Tome 2 xícaras por dia.
  • Misture, em partes iguais, trevo doce, sálvia, passiflora, alecrim e lavanda. Extraia 1 colher de sopa desta mistura e despeje em uma xícara de água que está fervendo. Cubra e deixe esfriar um pouco. Coe e, em seguida, adicione 1 colher de chá de vinagre de maçã e 1 colher de chá de mel. Tome, ainda quente, quando sentir o nervosismo.
    • Recomendações: Evite fumar e as bebidas alcoólicas ou excitantes (café, refrescos de cola, etc.) que podem afetar o sistema nervoso. Tente dormir oito horas diariamente sempre no mesmo horário. Analise objetivamente as situações que produzem nervosismo e tente encontrar uma solução para isso. Distribua corretamente o trabalho ao longo do dia para que não seja cansativo e dedique algum tempo para o lazer (cinema, ler um livro, etc.).

      Aprenda técnicas de relaxamento. É aconselhável praticar a meditação, yoga, terapia de música, etc. Faça exercício regularmente. Para poder controlar os nervos, é recomendado caminhar 30 minutos, pelo menos, 3 vezes por semana.

      Consuma alimentos ricos em cromo como levedura de cerveja, queijo, arroz integral, cogumelos, já que a deficiência deste mineral pode causar nervosismo. A deficiência de cromo é frequente em pessoas que consomem grandes quantidades de açúcares refinados.