Existe um provérbio entre as pessoas que dizem: “Você é o que você come” e é claro você sofre as consequências do que você come.

Deve-se reduzir a frequência de consumo diário dos alimentos que produzem cárie, tais como:

  • Doces.
  • Geleias.
  • Soda.
  • Cookies.
  • Pão.
  • Cereais.
  • Açúcar de mesa.
  • Batatas fritas.
  • Gelatina.
  • Mel.
  • Iogurte.
  • Bolos e tortas.
  • Maçã.
  • Banana.
  • Peras.
  • Pêssegos.
  • Laranjas.
  • Arroz.
  • Tomate.
  • Leite com chocolate.
  • Leite.
  • Aveia.
  • Suco de frutas.

Leia também: “Vinho Para Prevenir a Formação de Cáries? É O Que Aponta Estudo“.

Lista de alimentos que causam a cárie dentária:

A Dieta é Importante Para se Manter Longe das Cáries
  • Carne bovina.
  • Frango.
  • Carne de porco.
  • Peixes.
  • Presunto.
  • Amêndoas.
  • Queijo.
  • Pepino.
  • Nozes.
  • Amendoim.
  • Brócolis.
  • Avelãs.

Como vamos substituir os alimentos à produção de cárie dependerá de uma disciplina de ferro, muitas pessoas não estão dispostas a se submeter, mas se você diminuir a frequência de ingestão de menos de quatro vezes no dia de alimentos cariogênicos. Também reduzirá suas chances de fazer novas cáries.

Não se esqueça de escovar os dentes regularmente todos os dias com um creme dental que possui 1500 partes por milhão de flúor. Recomenda-se que a escovação dure pelo menos três minutos e aconteça após o almoço e jantar, neste caso, antes de dormir.