A menopausa é definida como a fase de retorno ao repouso de nossa etapa reprodutiva, em si a perda da menstruação. Mas, além disso, traz implícita uma série de mudanças a nível pessoal; tanto a nível físico como emocional e psicológico. Toda mudança é uma crise, envolve inconvenientes, desconhecimento, não saber como lidar, angústias e outras condições... Mas se estivermos conscientes do que está acontecendo conosco, certamente teremos muitas armas para sair graciosa da transição.

Ao longo da vida a mulher passa por três ciclos básicos com mudanças muito profundas: menarca, maternidade e menopausa. Se nos recordarmos das etapas anteriores, percebemos que, com ajuda, apoio e conhecimento adequado aplicado a cada necessidade, podemos seguir adiante e ressurgir sábias de nossas transformações. Em cada mudança de etapa, em cada transição fazemos um duelo e deixamos para trás essa etapa que não vai voltar, mas também nos aventuramos em uma nova exploração da realidade.

Menopausa: Tratamentos Para Minimizar os Sintomas

Em algumas culturas pagãs, onde se praticam ritos e cerimônias em comunhão com a natureza, podemos encontrar muita simbologia e gráficos em referência aos estágios das mulheres. A donzela, a mãe e a anciã, reverenciadas na Deusa Tríplice e representadas por três fases lunares. Cada uma delas com uma virtude em particular, enquanto cada uma contém todas as outras em si mesma. É por isso que a mulher está relacionada com a lua; se parecem com ela por seus ciclos.

Leia também: "Perguntas e Respostas Sobre a Menopausa".

Em suma, a respeito da parte negativa da situação não é preciso passar mal. Aproveite os benefícios do novo ciclo e sirva-se com as ferramentas para superar os inconvenientes com êxito. Hoje em dia podemos prevenir e aliviar os desconfortos próprios da menopausa, atenuar as desvantagens e prevenir os problemas de saúde que isso implica. Aqui te contamos todas as tarefas, tratamentos, cuidados e possibilidades disponíveis para que você se sinta esplêndida.

Sintomas Mais Comuns da Menopausa

  • Osteoporose.
  • Fraqueza.
  • Ondas de calor.
  • Envelhecimento.
  • Diminuição da libido.
  • Dificuldades urinárias.
  • Alterações de humor.
  • Distúrbios do sono.

Tratamentos Para Cada um dos Sintomas ou Condições

Osteoporose: Sol, vitamina D, cálcio, atividade física. Esta combinação é fundamental e eficaz para que os ossos não sigam um curso descendente. Não se esqueça da atividade física, já que desta maneira se contribui muito para fixar nos ossos o cálcio ingerido.

Fraqueza: Nesta época a massa muscular tende a diminuir mais rapidamente, é por isso que geralmente começamos a nos sentir mais fracas e com menos força. Para minimizar isso, recomendamos a prática de exercício físico. As caminhadas são boas, mas seria excelente incluir trabalhos de força para conservar e melhorar a musculatura.

Mudanças de humor: Com o exercício físico você aumenta os seus níveis hormonais de serotonina, endorfinas e hormônio do crescimento (GH)... Sem dúvida, um elevador de bem-estar e boa energia. A nível químico te dará um apoio importante para que você possa conseguir estabilidade emocional e resistência, mas é imprescindível certa constância na atividade para resultados eficazes.

Envelhecimento: Com certeza te preocupa começar a se ver diferente. Hoje em dia, existem inúmeros tratamentos de rejuvenescimento, como tratamentos com laser e radiofrequência, complexos antioxidantes, atividade física, terapia de reposição hormonal, etc.

Diminuição da libido: Você pode consultar um ginecologista. Existe o tratamento de suporte hormonal com estrogênio, que entre outras coisas serve para aumentar a libido e assim poder desfrutar dos benefícios de uma sexualidade plena, mais livre e sem as preocupações de uma possível gravidez.

Ondas de calor: As ondas de calor são geralmente muito chatas e desconfortáveis. Existem opções para mitigá-las: a terapia hormonal com estrogênio e a tibolona, ​​ambos sem contra-indicações.

Dificuldades urinárias: Muitas vezes com a menopausa e fraqueza muscular termina aparecendo a incontinência urinária. Isto se deve a um enfraquecimento do solo pélvico, o períneo. Para isso, recomendamos não deixar passar o tempo e começar a fazer os exercícios de Kegel para reverter o quanto antes o problema. Da mesma forma, diante do problema, não deixe de consultar o seu ginecologista.

Leia também: "Como Funcionam os Exercícios de Kegel?"

Insônia: é muito comum que comecem nesta época episódios de insônia. Para isso não existe melhor remédio do que uma boa caminhada diária, renovar a sua energia e por sua vez liberar o estresse e a tensão, ambos os fatores que desencadeiam a insônia. Evite refeições e bebidas estimulantes à noite, tais como: café, mate, chá; algumas especiarias como alecrim, pimenta ou pimentão. Você pode beber infusões de tília ou valeriana para obter um efeito relaxante.

Outros Cuidados e Tratamentos Indicados Para a Menopausa

Antioxidantes: Existe uma ampla variedade de antioxidantes que previnem o acúmulo de substâncias tóxicas e de radicais livres no organismo, que, inevitavelmente, contribuem para o envelhecimento. As apresentações existem tanto para o cuidado antienvelhecimento da pele como a nível orgânico geral. Estes últimos são de administração oral e se encontram em forma de complexos formados por vitaminas, minerais, aminoácidos e flavonoides, entre outros compostos.

Vigilância nutricional: É importante que, nesta etapa, possamos ter uma boa qualidade nutricional. Seria prudente ajustar a alimentação, incluir todos os tipos de alimentos para não pesar com uma deficiência de vitamina. Às vezes é conveniente reforçar a nossa saúde com suplementos vitamínicos e/ou aminoácidos essenciais.

Apoio hormonal: A terapia de reposição hormonal com estrogênio funciona de forma excelente. Diminui e estabiliza a maioria dos sintomas como as ondas de calor, diminuição da libido e o envelhecimento. Você pode se ver inclusive mais jovem, observar a sua pele mais suave e recuperar a luminosidade. Este tratamento não possui contra-indicações.