5 Coisas Que Você Deve Fazer Para Combater O Inchaço Abdominal

O inchaço no estômago é um problema muito comum atualmente. Com uma alimentação ruim da maioria das pessoas, altos níveis de estresse, ingestão diária de medicamentos e exposição a poluentes, é fácil entender porque cada vez mais pessoas veem sofrendo de algum tipo de inchaço.

Simplificando, o "inchado" é a sensação de acúmulo de gases em seu sistema digestivo, que faz com que seu estômago fique desconfortável. É uma condição temporária e principalmente causada pelo ar que fica preso em torno do seu abdômen.

Além de desconfortável, o inchaço abdominal não causa apenas gases e uma possível ida frequente ao banheiro, esse problema pode ser algo maior do que você imagina. O estômago inchado às vezes pode significar problemas de saúde graves. Esse efeito pode ser devido a um distúrbio digestivo, reação autoimune, alergia ou até mesmo câncer em alguns casos, por isso, é bom estar atento.

5 Coisas Que Você Deve Fazer Para Combater o Inchaço Abdominal

Felizmente, na maioria das vezes, o inchaço do estômago não é nada para se preocupar e, pode ser combatido com algumas mudanças em sua rotina e dieta. No entanto, se você desconfia de que algo está errado, além do inchaço do abdômen, deve verificar se ocorre simultaneamente outros sintomas. Isso pode te indicar o que está causando o problema e se pode ser grave o suficiente para justificar a visita a um médico. Os sintomas que você deve observar são:

  • Febre.
  • Erupções cutâneas ou urticária.
  • Olhos lacrimejantes, comichão na garganta e outros sinais de reação alérgica.
  • Constipação ou diarreia.
  • Vômitos ou náuseas.
  • Sangue em sua urina ou fezes.
  • Perda de peso involuntária.
  • Problemas para ir ao banheiro.
  • Dor ao redor de seus gânglios linfáticos, incluindo na virilha, garganta ou axilas.
  • Fadiga.
  • Nevoeiro cerebral e problemas para se concentrar.
  • Períodos irregulares.
  • Hemorroidas.

Leia também: "Dicas Para Evitar o Inchaço Depois de Comer".

Dicas Para Combater o Inchaço Abdominal:

1. Fale com o seu médico. Devido ao fato de que existem tantas causas diferentes para um estômago inchado, é uma boa ideia procurar um médico se você não consegue descobrir o problema subjacente. Não há um teste específico para determinar a causa do inchaço, mas o seu médico pode decidir reunir mais informações através da realização de testes, tais como: análise de fezes, exame de sangue, ultrassom, testes de esvaziamento gástrico, manometria esofágica, exame respiratório, endoscopia ou colonoscopia com biópsias.

2. Praticar algum exercício. Ser ativo ajuda a seu sistema digestivo a funcionar de forma ideal, uma vez que pode combater a constipação, manter a circulação em movimento e mover fluido linfático através do seu corpo, o que essencialmente ajuda na “desintoxicação” do corpo. Tente praticar um exercício por pelo menos 30-60 minutos por dia.

3. Beba bastante água. Você também deve beber bastante água para combater o inchaço. Beba pelo menos seis a oito copos por dia. Permanecer hidratado é essencial para prevenir o inchaço.

Bebidas gaseificadas, especialmente se estão carregadas com ingredientes artificiais e adoçantes, podem causar distensão abdominal e piorar o problema. O álcool e bebidas com cafeína também podem aumentar o inchaço. Sua melhor aposta é água ou chá de ervas.

4. Reduzir o estresse. Já notou que quando você está nervoso, cansado, triste ou deprimido, sua digestão piora? Isso ocorre porque o intestino e o cérebro têm uma comunicação direta, o que é conhecido como "conexão intestino-cérebro". Dentro do revestimento do trato gastrointestinal vive uma rede de tecido de circuitos que se comunicam através de mensagens hormonais e químicas com o sistema nervoso central. O cérebro ordena a produção de enzimas, saliva e secreções para ajudar com a digestão, juntamente com o controle de hormônios responsáveis ​​pelo seu apetite.

Estar ansioso ou triste pode causar mudanças nesta linha de comunicação e seu cérebro pode desviar a atenção da digestão. Além disso, altas quantidades de estresse aumentam os níveis de cortisol, o que pode alterar os níveis de açúcar no sangue e alterar a forma como outros hormônios são secretados, às vezes fazendo com que você fique excessivamente faminto.

Por isso, procure estar relaxado durante todo o dia, principalmente durante e após as refeições, para que você tenha sempre uma digestão adequada e evite problemas, como o inchaço abdominal.

5. Probióticos. As "boas bactérias", chamadas probióticos, agem em seu trato digestivo, matando bactérias más que podem desencadear problemas e reações digestivas. Você pode tomar suplementos de probióticos ou consumi-los através de alimentos como iogurte, kefir e Kimchi.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Confira Mais Sobre Esse Assuto