A terapia de ozônio é um tratamento natural, onde se utiliza ozônio, o qual se obtém a partir do oxigênio puro mediante o aparelho correspondente.

Sobre o oxigênio se produz uma descarga elétrica controlada que gera ozônio, para permitir uma dose adequada, podendo ser a via de aplicação interna ou externa.

Como se Utiliza a Terapia de Ozônio

A terapia de ozônio pode ser utilizada com a “bolsa selada”, destinada a tratar extremidades de difícil cura, onde o ozônio ajuda a regenerar e desinfetar os tecidos ou com a “bolsa sauna”, que consiste em um saco plástico onde se introduz o paciente, fechado até o pescoço, onde elimina substâncias tóxicas através do suor e ozônio conseguindo uma importante limpeza dos tecidos.

Além disso, é possível realizar diferentes injeções, dependendo de que parte do corpo e do objetivo que você deseja alcançar e aplicações externas, com água ionizada para tratar inflamações na boca ou distúrbios digestivos e óleo ionizado, em forma de bálsamo ou pomada, para tratar as infecções pele.

O ozônio devido à sua alta capacidade oxidante, exerce uma ação bactericida, antiviral e fungicida, por isso aplicando-a diretamente sobre as feridas e úlceras infectadas, destrói os agentes patogênicos, devido à sua alta capacidade de desinfecção.

Possui capacidade de melhorar a circulação sanguínea em vários níveis, por isso que com a terapia de ozônio se consegue uma melhora na micro circulação, e por meio do ozônio é produzido um aumento da oxigenação celular.

Leia também: “Hidroterapia: Máximo de Relaxamento e Conforto, Sem Sair de Casa“.

Benefícios da Terapia de Ozônio

O tratamento com a terapia de ozônio tem benefícios como os seguintes:

• É oxigenante, porque aumenta a capacidade de transportar mais oxigênio por todo o corpo, melhorar a circulação e as funções celulares em geral e revitalizante, porque promove a recuperação funcional de numerosos pacientes com doenças degenerativas.

• Pode dizer-se que a terapia de ozônio é um tratamento antioxidante, e é o único tratamento que é capaz de estimular todas as enzimas antioxidantes das células, que são responsáveis ​​pela eliminação de radicais livres, e graças ao estímulo das enzimas, também retarda os processos de envelhecimento celular.

• É analgésica e anti-inflamatória e facilita o metabolismo e a eliminação de mediadores inflamatórios, tais como histamina; também é imunomodulador, uma vez que estimula as defesas imunitárias em pacientes com imunossupressão.

• A terapia de ozônio promove a regeneração de diferentes tipos de tecidos, o que é útil para a cura de lesões e ulcerações nos tecidos das articulações.

• O ozônio funciona como um germicida, que inativa ou elimina todos os tipos de agentes patogênicos, incluindo, entre eles bactérias, fungos e vírus.

Doenças Contra as Quais Atua a Terapia de Ozônio

A terapia de ozônio é eficaz contra as seguintes doenças:

Nos idosos, o ozônio ajuda a manter a saúde, como um regenerador celular que melhora a qualidade de vida.

O ozônio tem uma capacidade analgésica e moduladora da inflamação; devemos dizer que a diminuição ou falta de oxigênio, produz dor, de modo que a aplicação da terapia de ozônio leva também a uma significativa diminuição da dor e da inflamação nos tecidos que circundam as articulações; tudo isto como consequência de uma melhora do metabolismo celular e do oxigênio na célula.

Cabe dizer que também os tratamentos com ozônio possuem um efeito inibidor metabólico sobre o crescimento dos tumores e as terapias com ozônio são usadas ​​para combater infecções e câncer; sem esquecer o fator preventivo que exerce sobre o sistema imunológico, protegendo contra resfriados, alergias e constipações, e também a terapia de ozônio melhora as habilidades intelectuais.