Novos Métodos Para Aliviar A Síndrome Do Cólon Irritável

Existem novos métodos para controlar os frustrantes sintomas da síndrome do cólon irritável.

A síndrome do cólon irritável é uma desordem comum do intestino grosso (cólon), que se caracteriza por sentir dor abdominal antes ou juntamente com a presença de diarreia ou constipação. Os sintomas variam amplamente. Em muitas pessoas, os surtos de diarreia duram alguns dias, seguidos por um período de remissão. A constipação pode durar dias ou até meses e se apresenta junto com diarreia ocasional ou funcionamento intestinal normal. Um pequeno grupo de pessoas com casos graves de síndrome do cólon irritável apresentam uma dor insuportável que, às vezes, é constante.

Novos Métodos Para Aliviar a Síndrome do Cólon Irritável

São múltiplos os fatores que podem contribuir para disfunção intestinal. A base do tratamento para a síndrome do cólon irritável é realizar mudanças que em geral promovem uma função intestinal sem contratempos, tanto no estilo de vida, como nos hábitos de exercícios e alimentação. O tratamento geralmente envolve cooperar com um médico ou outro profissional de saúde para desenvolver um plano de exercício físico regular e controlar o estresse, a ansiedade e outros fatores psicológicos.

Alimentação: Um médico ou um nutricionista pode orientar o paciente para que identifique e evite os alimentos problemáticos, assim como fornecer informações sobre outras táticas alimentares. Ingerir mais fibras pode reduzir a constipação porque amolece as fezes e pode também ajudar a tornar as fezes mais volumosas. Ultimamente, tem experimentado com dietas de baixa ingestão de certos tipos de açúcares, trigo ou glúten, e foi demonstrado que pode ser uma possível rota para o alívio dos sintomas. "FODMAP" é o acrônimo de uma lista de certos açúcares fermentáveis que se encontram na frutose e no trigo. Um nutricionista pode ajudar os pacientes a entender a alimentação FODMAP para eliminar os açúcares durante algumas semanas para ver se os sintomas melhoram.

Outro método está relacionado com a conclusão recente de que algumas pessoas poderiam ser mais sensíveis ao trigo ou o glúten, embora não sofram de doença celíaca. Por isso, naqueles que apresentam principalmente sintomas de diarreia valeria a pena realizar um ensaio de duas semanas com uma alimentação sem trigo nem glúten.

Remédios de venda livre: Quando a constipação não melhora apesar das mudanças alimentares, os laxantes, como o hidróxido de magnésio (leite de magnésia Phillips) ou polietilenoglicol (MiraLax) poderiam ser úteis. Os antidiarreicos, como a loperamida (Imodium) também podem ajudar.

Alguns suplementos: Aparentemente, as cápsulas de óleo de hortelã-pimenta reduzem a dor abdominal relacionada com a síndrome do cólon irritável. Iberogast é o nome comercial de uma mistura de nove extratos de ervas associados com menos dor abdominal em pessoas com síndrome do cólon irritável.

Medicamentos com receita médica: Quando existem sintomas moderados ou graves e outras mudanças não oferecem alívio para o paciente, seria prudente recorrer aos medicamentos com receita médica. Os medicamentos que relaxam a parede intestinal (antiespasmódicos) podem ser úteis tanto para a constipação como para a diarreia produto da síndrome do cólon irritável. O médico também pode sugerir um antidepressivo devido ao seu efeito moderador sobre a percepção da dor. Em casos mais graves ou de constipação constante, é possível considerar os laxantes Amitiza.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto