Agora você pode deixar de se preocupar com a quantidade de açúcar que você consome e prestar atenção no tipo do mesmo que utiliza diariamente.
De acordo com uma pesquisa publicada pelo American Journal of Physiology-Heart and Circulatory Physiology; a frutose e não a glicose é mais prejudicial para o metabolismo e o sistema vascular.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Leia também: “O Que São os Açúcares Simples?”.

Tudo indica que o aumento de peso corporal, o nível de triglicerídeos e algumas doenças vasculares ocorrem quando você ingere mais frutose.

A frutose é um açúcar simples que abunda nas frutas e, portanto, é o adoçante mais amplamente utilizado na indústria de alimentos, por ser barato e adoçar muito mais do que o açúcar de cana ou refinado.

O Tipo de Açúcar Que Você Consome é Mais Prejudicial do Que a Quantidade

Efeito da Frutose no Seu Corpo

A frutose reduz a oxidação dos ácidos graxos no organismo, aumentando o que aumenta os seus níveis de triglicerídeos e origina a hipertrigliceridemia, que é assintomática, mas quando se torna algo crônico pode causar pancreatite.

Portanto a frutose dificulta o funcionamento da artéria aorta e ocasiona problemas de fígado gordo em pessoas que a consomem em excesso.

Evite o Xarope de Milho

A frutose que usam as indústrias para pães açucarados, cereais e doces é a mais pura, o que significa que é ainda mais prejudicial.
O xarope de milho é a forma mais utilizada deste adoçante. Assim, você pode evitar esses alimentos.