O líquido no joelho é algo que se vê com muita frequência. Quando existe líquido no joelho é porque ocorreu um derrame articular, ou seja, a articulação está cheia com líquido sinovial.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

O Que É O Líquido Sinovial?

O líquido sinovial se encontra presente em quase todas as articulações do corpo. A função do líquido sinovial é manter a articulação lubrificada e evitar o atrito entre as diferentes estruturas.

Quando se sofre um traumatismo, o mecanismo de absorção e produção de líquido sinovial é modificado e alterado. Isto faz com que se produza em maior quantidade e que não seja reabsorvido, o que faz com que o líquido ocupe quase todo o espaço articular inflamando o joelho.

Água No Joelho: Causas, Diagnóstico e Tratamentos

Quais São os Sintomas de Água no Joelho

Os sintomas são os seguintes:

  • Aumento da temperatura e do volume do joelho.
  • Dor e sensação de instabilidade, isto é porque a rótula se “separa da sua posição” e fica “flutuando” no líquido sinovial.

O Que Causa Água no Joelho

Geralmente, o líquido no joelho é o resultado de um traumatismo provocado por uma lesão, como consequência de um golpe ou uma queda. As lesões dos meniscos e entorses de joelho são as lesões mais comuns que geram líquido no joelho.

Aquelas pessoas que sofrem de lesões crônicas, sempre tem algum tipo de derrame. Talvez elas nem notem, mas certamente tem.

As lesões cartilaginosas como a condromalácia patelar, muitas vezes provocam este tipo de reação, fazendo com que o joelho se encha de líquido.

Após uma cirurgia do joelho, também se produz um derrame, mas a reabsorção do líquido sinovial ocorre mais rapidamente. Devemos levar em conta que uma intervenção cirúrgica, de alguma forma, se “produz uma lesão” e submete o joelho a algum estresse. É por isso que o joelho apela para um mecanismo de defesa, e produz em excesso o líquido sinovial.

Se o joelho torna-se inflamado, certamente você tem um derrame sinovial, nesse caso o melhor é consultar um profissional e que ele recomende sessões de fisioterapia. Existem muitas técnicas que te ajudarão com este problema e farão com que o líquido sinovial seja reabsorvido.

Fatores de Risco

Idade

A probabilidade de sofrer inchaço em um joelho se você sofre de artrite, aumenta com a idade.

Esportes

As pessoas que participam de esportes que envolvem a rotação do joelho, como basquete, futebol, são mais propensas a ter esses tipos de lesões que causam inchaço no joelho.

Obesidade

O excesso de peso aumenta a pressão sobre a articulação do joelho e contribui para a sobrecarga do tecido, articulação e a degeneração do joelho, o que pode causar o inchaço no joelho.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

A obesidade aumenta o risco de sofrer de osteoartrite, uma das causas mais frequentes de inchaço no joelho.

Diagnóstico Para Água No Joelho

Seu médico provavelmente fará uma avaliação detalhada e exame físico para determinar o problema oculto que está causando o inchaço no joelho. Alguns exames que podem ser indicados:

Raio-X

O raio-X pode ser pedido para descartar ossos fraturados ou deslocados e determinar se você tem artrite.

Ultrassom

Esse exame pode detectar se você tem artrite ou distúrbios que afetam os tendões ou ligamentos.

Ressonância Magnética

Esse exame pode detectar lesões em ligamentos e tecidos moles que não aparecem no raio-X;

Aspiração Articular

O médico remove o fluido do interior do joelho para detectar a presença do seguinte:

  • Sangue, que pode vir de lesões ou distúrbios hemorrágicos.
  • Bactérias, que podem estar causando uma infecção.
  • Cristais, frequentes quando se tem gota ou pseudogota.

Tratamento Para Água No Joelho

O tratamento varia segundo a causa da inflamação, sua gravidade e o seu histórico de saúde. No geral, o tratamento inclui, analgésicos, anti-inflamatórios, procedimentos para remover o líquido da articulação do joelho.

Tratamentos Caseiros Para Água no Joelho

Repouso

Evite atividades que deem muita carga no joelho o máximo possível.

Gelo e Pernas Elevadas

Para controlar o inchaço, aplique gelo no joelho por 15 a 20 minutos a cada duas ou quatro horas. Sempre que puder deixe as pernas elevadas ao nível do coração usando travesseiros para o seu maior conforto.

Analgésicos

Medicamentos de venda livre como o paracetamol ou o ibuprofeno podem ajudar a diminuir a dor no joelho.

Como Prevenir Lesões Nos Joelhos

Peso Ideal

Manter um peso adequado permite que os joelhos, projetados para suportar um peso determinado, desempenhem sua função sem problemas; sua forma é projetada para equilibrar os pesos, não para sustentá-los, de modo que, ao ter um desequilíbrio devido ao excesso de peso, ficam expostos a danos nos tecidos e nos tendões.

Ficar Em Pé Muitas Horas

Evite ficar de pé por várias horas e sem se mover, pois isso maltrata os joelhos ao recarregar o peso corporal. O fato de que as articulações não se movem faz com que estas não sejam nutridas o suficiente e, portanto, os tecidos não são renovados.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Exercícios de Alta Intensidade

Não exagere com os exercícios de alta intensidade. Toda vez que escalamos ou subimos e descemos as escadas estamos exercendo mais peso em nossa rótula, um osso que atua como uma polia para multiplicar a eficácia dos músculos durante o movimento e o transporte. Uma vez que este se desgasta, a capacidade de movimento é perdida.

A melhor forma de reconhecer se você tem problemas, é prestando atenção ao joelho. Se, ao se exercitar, você sente que começa a incomodar a frente dos seus joelhos ou você sente estalar, é sinal de que existe um desequilíbrio e você deve consultar o médico o mais rápido possível.

Mas manter um peso adequado não é suficiente, é necessário que os músculos mantenham uma tonicidade adequada. Por último, é bom se exercitar sob a supervisão de um profissional que nos ofereça os exercícios adequados para aquecer os músculos e as articulações corretamente, de modo que possamos fortalecê-las em vez de danificá-las mais.