A tireoide é uma glândula que se encontra no pescoço, sob o pomo de Adão. Tem forma de borboleta e, embora você não ouça sobre ela com frequência, desempenha funções muito importantes, como regular o metabolismo e outros ritmos do corpo. Por isso, quando se inflama se produzem transtornos em seu organismo. Aqui, te contamos mais sobre a tireoidite.

A velocidade com a qual queimamos calorias, a frequência do batimento cardíaco ou frequência cardíaca e outros ritmos do corpo, como a forma como cada célula usa energia (ou metabolismo), são regulados por uma glândula que se encontra no pescoço, chamada tireoide. Muitas vezes, quando você vai ao médico para um exame geral, pode ter notado que ele ou ela pára em seu pescoço para tocá-lo. Dessa forma, pode avaliar se sua tireoide tem um tamanho normal ou se tem alguma anormalidade, se existe dor durante o exame ou não, já que tudo isso fornecerá informações úteis para o diagnóstico e o tratamento da sua condição.

Leia também: “Tireoide: Testes Para Detectar A Tireoide“.

A tireoidite simplesmente significa inflamação da tireoide. Não existe um sintoma exclusivo da tireoidite porque depende do tipo de tireoidite, já que existem sete tipos diferentes, que são os seguintes:

Tipos e Causas da Tireoidite:  Inflamação da Tireoide

Tipos de Tireoidite

1. Tireoidite de Hashimoto

A tireoidite é uma condição do sistema imunológico ou autoimune, ou seja, algumas células do seu corpo atacam a tireoide formando anticorpos contra as células da tireoide (anticorpos anti-tireoide). Isso faz com que a tireoide se inflame e com frequência faz com que a glândula seja destruída pouco a pouco, o que significa que ela deixa de produzir suficiente hormônio da tireoide, isso é denominado dehipotireoidismo. O hipotiroidismo pode causar os seguintes sintomas:

  • Sensibilidade ao frio.
  • Constipação.
  • Fadiga.
  • Sensação de peso.
  • Menstruações abundantes.
  • Pele seca e pálida.
  • Cabelo e unhas fracas e quebradiças.
  • Ganho involuntário de peso.

A causa da tireoidite de Hashimoto é desconhecida, embora tenha tendência a ter uma predisposição familiar.

2. Tireoidite subaguda ou tireoidite de Quervain:

Pensa-se que a causa desta inflamação na tireoide é devida a vírus. Neste caso, apresenta-se dor no pescoço e, ao contrário do anterior, são desenvolvidos inicialmente sintomas de hipertireoidismo transitório (que dura de 1 a 3 meses) seguidos pelo funcionamento normal. Em uma quinta parte dos casos, o hipotireoidismo é permanente.

O hipertireoidismo ocorre quando a tireoide produz mais hormônios do que o normal e os níveis dos hormônios tireoidianos no sangue são elevados. Quando são liberados durante um período curto de tempo, se denomina hipertireoidismo agudo e, quando é ao longo do tempo, se chama de hipertireoidismo crônico. Isso pode ser causado pela doença de Graves, entre outras causas. Alguns sintomas que se apresentam no hipertireoidismo incluem os seguintes:

  • Problemas de concentração.
  • Cansaço ou fadiga.
  • Intolerância ao calor.
  • Aumento do apetite.
  • Perda de peso.
  • Deposições frequentes ou diarreia.
  • Inquietude ou ansiedade.
  • Palpitações.
  • Nervosismo.
  • Aumento da transpiração.
  • Bócio (tireoide inflamada visível).

Como mencionamos, os sintomas do hipertireoidismo melhoram em poucos meses com tratamento, mas existe uma leve possibilidade de que seja desenvolvido o hipotireoidismo permanente após um período no qual a glândula funciona normalment. A recorrência da tireoidite subaguda é muito rara.

3. Tireoidite pós-parto

Após a gravidez, algumas mulheres podem ter no corpo alguns anticorpos que atacam a tireoide (são formados anticorpos anti-tireoide). Isso se apresenta, geralmente, de 4 a 6 meses depois de ter tido o bebê e os sintomas que se apresentam são de hipertireoidismo e/ou hipotiroidismo. Nem todas têm sintomas de ambos. Com tratamento, os sintomas apresentam melhora em um período de 12 a 18 meses.

4. Tireoidite Não Dolorosa ou Silenciosa

É similar clinicamente à tireoidite pós-parto e segue o mesmo curso. É uma tireoidite autoimune em que são formados anticorpos anti-tireoide. A causa é desconhecida. Apresenta-se tanto em homens como em mulheres, mas não está relacionada com a gravidez.

5. Tireoidite Induzida por Medicamentos ou Fármacos

Como o nome sugere, esse tipo de tireoidite se apresenta devido aos efeitos de medicamentos prescritos como o lítio, a amiodarona, os interferões e as citocinas. São apresentados sintomas de hipotireoidismo ou hipertireoidismo e não melhoram enquanto o medicamento ainda é tomado, mas geralmente desaparecem quando seu uso é suspenso.

Leia também: “Tireoide: Hipertireoidismo e Hipotireoidismo“.

6. Tireoidite por Radiação

Apresenta-se quando a pessoa se submete a um tratamento com iodo radioativo para hipertireoidismo ou quando se submete a terapia de radiação para tratar certos tipos de câncer. São desenvolvidos sintomas de hipotireoidismo.

7. Tireoidite Aguda ou Infecciosa:

É causada por bactérias e outros micro-organismos que produzem infecções. Os sintomas variam, pode ou não ser dolorosa e, frequentemente, a pessoa se sente doente devido à infecção. Quando a infecção é combatida, os sintomas – geralmente de hipotireoidismo – desaparecem.

O tratamento para tireoidite depende do tipo de tireoidite que se sofre. Pode incluir medicamentos para anti-inflamatórios para dor (que vão desde a aspirina ou ibuprofeno até a prednisona); medicamentos para tratar o hipertireoidismo e seus sintomas, assim como a reposição do hormônio da tireoide no caso do hipotireoidismo, etc.

Consulte o seu médico e ele ou ela te indicará quais medicamentos você precisa para aliviar e eliminar os sintomas e a inflamação para que a sua glândula tireoide recupere o seu “ritmo de trabalho” normal.