Além da gravidez, existem outras razões pelas quais pode se produzir o atraso da regra. Te explicamos quais podem ser.

O atraso da regra, conhecido tecnicamente como amenorreia, é a ausência temporária ou permanente da menstruação. Embora geralmente a primeira causa na qual pensamos é a gravidez, existem muitas outras razões físicas e psicológicas que podem causar estas alterações. Considera-se atraso da regra a partir de três dias desde a data em que teria que aparecer a regra, já que antes desse período são apenas variações normais, sempre contando com o ciclo individual de cada mulher.

Um dos fatores mais importantes é a idade. Os primeiros meses nos quais se tem a menstruação a mulher é muito jovem, e é comum que se apresentem desajustes. Durante a adolescência, é frequente que a regra apareça inclusive duas vezes por mês e com uma quantidade de fluxo abundante e variável. Com o passar do tempo, os ciclos menstruais vão regularizando e adequando-se às características de cada mulher até os 40 ou 50 anos, em que as irregularidades reaparecem devido ao início da menopausa.

Leia também: “Ciclos Menstruais Irregulares – Razões Para o Atraso da Menstruação“.

Possíveis Causas do Atraso da Menstruação:

Existem muitos fatores que podem influenciar na alteração do ciclo menstrual e, portanto, o atraso da regra em uma mulher. A seguir te mostramos algumas das causas mais comuns:

Possíveis Causas Para Menstruação Atrasada

Gravidez: é o primeiro motivo em que se suspeita diante de um atraso da regra. Podemos descartá-lo realizando um teste de gravidez, o qual poderá nos dar um resultado muito confiável. Além do teste de urina, você também pode realizar um exame de sangue, pois certamente é o teste mais confiável. Se o resultado do teste é negativo, seria aconselhável consultar o seu ginecologista sobre outras possíveis razões para o atraso menstrual.

Estresse: também pode ser uma causa do atraso da menstruação, já que afeta diretamente o organismo. As situações de ansiedade podem provocar que a regra desaparelha durante um período de tempo, mas no momento em que se volta a um estado de espírito habitual costuma-se recuperar o ritmo normal da menstruação.

Ovário policístico: uma síndrome que envolve um desequilíbrio dos hormônios sexuais femininos, o que pode provocar mudanças no ciclo menstrual além de outros problemas, tais como o aparecimento de cistos nos ovários ou dificuldade para engravidar.

Leia também: “Menstruação Irregular e Fertilidade“.

Excesso de atividade física: por vezes, praticar esporte com alta frequência ou submeter o nosso corpo a um grande esforço físico pode fazer com que a regra atrase, já que pode não produzir a ovulação.

Medicamentos: é possível que alguns medicamentos causem o atraso da menstruação. É bom que a menor dúvida consulte o seu médico se os efeitos secundários podem influenciar nos possíveis desequilíbrios hormonais…

Anemia e deficiência de ferro: às vezes, uma dieta desequilibrada e uma má alimentação, pode causar anemia e deficiência de ferro, o que pode levar a um atraso no ciclo menstrual. É muito importante comer de forma equilibrada, evitar as mudanças bruscas de peso e realizar exames de sangue regulares para um maior controle.

Outras causas: doenças crônicas, problemas de tireoide e cistos ovarianos, afetam diretamente os ciclos menstruais das mulheres. Essas causas podem servir de orientação para intuir a razão do atraso da regra, mas ainda é muito importante consultar um ginecologista e realizar os exames necessários para dar um diagnóstico e tratamento adequado para cada caso.