Cada vez está mais presente nos meios de comunicação e cada vez mais as autoridades de saúde tentam nos conscientizar da importância que tem hoje em dia. Falamos sobre doar sangue. Ao longo do artigo, veremos dez vantagens e benefícios a este respeito.

É preciso levar em conta que pode doar sangue, qualquer pessoa que esteja saudável, que tenha entre 18 e 65 anos, e que pese mais de 50 quilos, já que se colhe uma quantidade padrão para todos os doadores, que é de 450 ml. Para fazer uma doação não é necessário estar em jejum, ao contrário do que acontece quando fazemos um exame de sangue. Você também pode doar sangue, embora tenha o colesterol elevado e, embora esteja tomando alguns dos medicamentos mais frequentes. Tampouco é um obstáculo para se converter em um doador de sangue, ter tido hepatite antes dos 12 anos de idade.

Você pode doar até 3 vezes por ano, se é mulher, número que sobe para 4, se é homem. Antes de doar, é feita uma história médica e uma série de exames, e posteriormente o sangue é analisado.

Leia também: “Como Saber se Posso Doar Sangue“.

Vamos falar por isso sobre os aspectos positivos da doação de sangue, as vantagens e os benefícios de fazê-lo, vamos nos concentrar em dez pontos importantes. Entre eles, se destaca, o mais importante, a satisfação pessoal de ter sido capaz de ajudar outra pessoa a sobreviver, com um ato que em teoria, há pessoas que desconhecem e que não nos custa nada. Certamente, doar sangue é um ato de altruísta, de generosidade. Sem dúvida alguma para ajudar outras pessoas, precisamos de uma limpeza do interior e estabilizar os níveis de ferro e diminuir os riscos de sofrer um ataque cardíaco.

Dez Vantagens e Benefícios de Doar Sangue

Acredita-se que uma doação pode chegar a salvar entre 5 e 18 vidas, e é crucial para pessoas que sofrem de câncer, fraturas, doenças do sangue, inclusive em cirurgias, partos complicados e pacientes com anemia. Vamos examinar as dez vantagens e benefícios de doar sangue.

10 Benefícios Para a Saúde de Doar Sangue

Equilibra os Níveis de Ferro em Nosso Organismo

O ferro é parte importante do organismo, dentro da hemoglobina, que é a que transporta oxigênio para os tecidos. Você tem que ter o nível certo, nem mais nem menos, e a doação equilibra os níveis do nosso organismo. Para cada vez em que doamos sangue, perdemos um quarto de grama de ferro, algo que não é ruim, ao contrário do que pode parecer, já que os níveis elevados de ferro podem ser piores e são mais frequentes, do que quando temos excesso de ferro. É verdade que a falta de ferro poderia levar à fadiga ou à anemia.

Este benefício é ainda mais importante em mulheres pré-menopáusicas, já que ajuda a reduzir a possibilidade de ter um ataque cardíaco.

Melhora o Fluxo Sanguíneo

Doar sangue nos ajuda a evitar a hipercoagulação e para que o nosso sangue flua com mais facilidade. A hipercoagulação pode gerar à ruptura dos nossos vasos sanguíneos, já que existem agentes que podem fazer coagular o sangue como tabaco, estresse ou excesso de açúcar em nossa dieta.

Nos Ajuda a Proteger o Nosso Coração

Existe uma relação direta entre as doações e a proteção que damos ao nosso coração. Normalmente, o ferro aparece novamente aqui, já que acelera a oxidação do colesterol, lesiona as paredes arteriais e engrossa o sangue. Acredita-se que as doações reduzem em 88% o risco de paradas cardíacas.

Diminui o Risco de Câncer

Mais uma vez, o ferro aparece com força em outro dos benefícios. De acordo com um estudo, as pessoas que doam sangue uma ou duas vezes por ano, têm menos risco de sofrer câncer, devido aos altos níveis de ferro em seu sangue. Acredita-se, no entanto, que uma dieta pobre em ferro pode produzir anemia, por isso não é recomendável para evitar o câncer.

Nos dá Informações Sobre a Nossa Saúde

As doações nos dão informações valiosas sobre a nossa saúde, já que supõe uma revisão do nosso organismo. É examinado se temos determinadas doenças infecciosas e nos informa sobre os níveis de hemoglobina, pressão arterial, temperatura e pulso.

Prolonga a Nossa Vida

Acredita-se que as doações de sangue podem fazer com que as pessoas doadoras vivam, aproximadamente, mais quatro anos. Tem um benefício mais social do que científico, no fato de que aumenta a nossa expectativa de vida, já que acredita-se que as pessoas que ajudam os outros, de maneira altruísta, costumam viver mais, do que o fazem em troca de um benefício, normalmente econômico. Por isso podemos dizer, que prolonga a nossa vida.

Leia também: “Como Doar Sangue Pela Primeira Vez“.

Queima Calorias

Existe um grande consumo de energia nas doações de sangue, já que o corpo realiza um grande esforço no momento de recuperar o sangue e com isso consome muitas calorias na extração.

O corpo leva entre um mês e meio e dois meses para recuperar os glóbulos vermelhos e, ao reduzir um litro de sangue, são queimadas cerca de 1300 calorias. Tudo tem que ser com moderação, já que é necessário recuperar a energia perdida para estar menos vulnerável aos desmaios.

Ajuda Com a Insulina

As doações de sangue reduzem o risco de ter diabetes. As pessoas que doaram sangue têm uma melhor sensibilidade à insulina, embora não exista uma explicação extensa para essa relação.

Rejuvenesce o Organismo

Doar sangue é um processo de rejuvenescimento. Como é reduzido o nível de fluído, o corpo tende a gerar novas células, criando um sangue novo, limpo e fresco.

Melhora o Estado Emocional

Mas, como mencionamos anteriormente, o maior benefício é o emocional. E doar sangue, sem dúvida, melhora o estado emocional. A satisfação imediata que se sente pode gerar uma grande felicidade. Você sabe que não apenas está melhorando a sua qualidade de vida, mas também que está ajudando outras pessoas. Tudo isso faz com que você se sinta bem e te permite liberar o estresse gerado ao longo dos últimos tempos.