O Inventor Do Crossfit Adverte Sobre Os Seus Perigos

Certamente há essa altura todos nós já ouvimos falar sobre o Crossfit e o que isso significa para o organismo. Na verdade, trata-se de uma das atividades esportivas que mais estão na moda entre aqueles que praticam esportes de maneira habitual. Mas nos últimos anos a sua eficácia tem sido manchada após as declarações do seu criador, e este afirma que o Crossfit pode matar.

A priori resulta uma afirmação um tanto catastrófica e arrebatadora, considerando que todos os dias milhões de pessoas praticam a nível mundial com resultados espetaculares. Não é que queremos inviabilizar os benefícios desta modalidade, mas que simplesmente, nos baseando na afirmação do seu próprio criador, queremos aprofundar um pouco mais a esse respeito.

Historicamente, o inventor desta modalidade esportiva, Greg Glassman, sustentou que a prática descontrolada pode causar a morte das pessoas que o praticam. É verdade que os benefícios que o Crossfit nos oferece são brutais, mas trata-se de um tipo de disciplina intensiva, de alta intensidade, que, ao contrário do que as pessoas acreditam, não está ao alcance de todas as pessoas.

O Inventor do Crossfit Adverte Sobre os Seus Perigos

A polêmica mais uma vez surgiu depois que um jovem de 26 anos de idade morreu de um ataque cardíaco praticando este esporte. Mas isso não é motivo para pânico entre todos os amantes desta modalidade, mas basta apenas conhecer os seus riscos e tomar precauções a respeito.

Uma atividade não adequada para todos:

Em primeiro lugar, é preciso levar em conta que não se trata de uma atividade adequada para todas as pessoas. É necessário ter uma boa força física, uma boa resistência e um perfeito controle do corpo e da execução de todos os exercícios que serão realizados. A coisa mais importante a considerar, que não é adequado para pessoas com problemas cardíacos, já que o risco é muito elevado.

O Crossfit é uma atividade de alta intensidade que nos sujeita a um esforço muito elevado em um período de tempo muito curto, por isso é necessário estarmos preparados para isso e não levarmos o nosso corpo aos limites, nos quais podemos nos machucar.

È recomendável antes de praticar Crossfit consultar o nosso médico para realizarmos um teste de resistência, além de contar sempre com a supervisão de um profissional da área que nos oriente sobre quais são os passos a seguir e acima de tudo que saiba adaptar os diferentes circuitos de Crossfit para nossa condição física e ao nível no qual nos encontramos no momento.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto