Quatro Boas Razões Para Fazer Exercícios De Alongamento E Flexibilidade

Um músculo flexível e forte é um músculo saudável. Como você pode evitar que a passagem do tempo vá retirando a soltura dos seus movimentos? Os exercícios de alongamento podem te ajudar, já que é uma excelente maneira de manter e recuperar a boa forma muscular.

É que, com efeito, os exercícios de alongamento que muitas vezes são ignorados nas academias, talvez porque são muito lentos, porque resultam entediantes ou porque parecem desnecessários, podem resultar extremamente benéficos e, em longo prazo, seus efeitos são notados, já que são muito saudáveis.

Os exercícios de alongamento proporcionam várias e importantes vantagens:

Quatro boas Razões para Fazer Exercícios de Alongamento e Flexibilidade
  • Mantém os músculos e as articulações flexíveis, além de prepará-los para o movimento.
  • Aumentam o fluxo sanguíneo que chega aos músculos e melhoram a circulação. Entre outros benefícios, por exemplo, isso permite que seus músculos se recuperem mais rapidamente, em caso de sofrer uma lesão.
  • Reduzem as dores ocasionadas por uma má postura, já que os exercícios de alongamento podem ajudar para que os músculos se mantenham firmes e, portanto, possa adotar posturas mais saudáveis.
  • Melhoram a coordenação e aliviam o estresse.

Além disso, os exercícios de alongamento são fundamentais para a preparação e a educação física, o treinamento, as práticas com pesos, a ginástica e para qualquer atividade física em geral, incluindo as tarefas diárias, como subir e descer escadas, levantar as bolsas do mercado ou se agachar para pegar algo que caiu debaixo da mesa.

E o melhor de tudo, não importa quantos anos você tenha, até os adultos mais velhos podem praticá-los e se beneficiar muito com eles. E embora inicialmente te custe muito trabalho realizá-los ou te pareçam impossíveis de conseguir, com o tempo você perceberá que os músculos vão cedendo, e quando menos você se dá conta terá mais flexibilidade e te resultará mais fácil subir ou descer do ônibus, sair para compras ou brincar com seus filhos ou netos no parque.

Claro, você sempre deve ter cuidado no momento de se exercitar, e os exercícios de alongamento não são uma exceção, por mais lentos que pareçam. Pelo contrário, se você os fizer de forma incorreta pode se lesionar. No momento de iniciá-los, leve em conta os seguintes cuidados:

  • Não faça exercícios de alongamento antes de começar a atividade física sem pré-aquecer um pouco os músculos. Em primeiro lugar, é melhor fazer movimentos suaves, como caminhar ou fazer círculos com os braços, isso depende do tipo de atividade que você vai fazer a seguir. Sempre comece com movimentos suaves e não se apresse.
  • Enquanto fizer os exercícios de alongamento, respire normalmente (não prenda a respiração).
  • Escute o seu corpo, sinta a tensão de alongamento e se detenha se não for normal. Como você pode saber? Se te dói, então algo está errado, volte suavemente para sua posição normal (nunca desarme a postura de uma vez) e tente fazer o exercício sem forçar o músculo, lembre-se que não deve sentir dor.
  • Alongue durante um máximo de 30 segundos de um lado e depois mude para o outro lado. Lembre-se que, como em outros aspectos da vida, o equilíbrio é a chave. Considera-se que para conseguir resultados eficazes é suficiente alongar de 10 a 30 segundos. Se o fizer por mais tempo e você se excede, também pode se machucar.
  • Não aos saltos. Quem nunca tentou tocar o chão com as mãos, mantendo os joelhos esticados, saltando uma e outra vez em busca de obter maior capacidade de alongamento? Isso é um exemplo muito comum de algo que não se deve fazer. Saltar durante os alongamentos é um erro que pode resultar em lesões desnecessárias.

Leia também: "Emagrecer Com Exercícios de Alongamento".

Quer alguns exemplos para começar a alongar imediatamente? Bem, tome nota destes simples exercícios que você pode fazer a qualquer momento:

  • Para o pescoço e cervical: com a cabeça erguida, incline uma orelha até o ombro com a ajuda suave de uma mão. Em seguida, retorna para a posição central e repita o movimento para o outro lado.
  • Para braços: estique ambos os braços ao lado da sua cabeça, com as mãos em direção ao teto. Abaixe uma mão como se quisesse tocar o centro das suas costas, mantendo o cotovelo apontando para cima. Com a outra mão, pegue o cotovelo e exerça uma pressão leve.
  • Para alongar as pernas: sente-se no chão com as pernas e as costas retas. Exalando, incline o peito em direção ao chão, com as mãos estendidas, tentando tocar as coxas e os joelhos. Estique os braços o máximo que puder para frente, apontando para a ponta dos pés. Inalando, retorne à posição inicial. Então, faça esse exercício levando suas mãos em cada pé, primeiro para um lado e depois o outro, sempre passando pela posição central.

Você pode encontrar exercícios simples como estes em revistas especializadas, vídeos, livros e inclusive na internet. Siga os passos lentamente, tomando cuidado com a forma e a técnica para evitar possíveis lesões. Com o tempo, você irá ganhando força e flexibilidade. Você também pode considerar yoga ou pilates. Ambos os sistemas de exercício estão baseados no alongamento e na flexibilidade.

Agora você já sabe: Faça alongamentos regularmente e notará a diferença.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

;
Confira Mais Sobre Esse Assuto