Muitos casais decidem se tornar pais e abandonam os métodos contraceptivos (pílulas, preservativos, espermicidas, diafragma, etc.).

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

No entanto, o tempo passa e não há notícia de um bebê e é, então, quando começam a se preocupar e se perguntam o que está acontecendo?

Considera-se que existem problemas de infertilidade quando, depois de um ano de tentativas, não se consegue a concepção.

Em alguns casos, o problema reside no homem devido a uma série de fatores, como:

  • Ejaculação retrógrada.
  • Impotência.
  • Incapacidade de produzir adequadamente esperma saudável.
  • Redução da contagem de espermatozoides (a contagem normal é estabelecida em 20 milhões por mililitro de sêmen) ou por falta de mobilidade.
  • Cicatrizes de doenças sexualmente transmissíveis que bloqueiam ou obstruem a chegada do esperma ao óvulo.
  • Reações adversas inflamatórias.
  • Doenças de ordem endócrina (prolactinoma).
  • Histórico médico, que inclui doenças infecciosas como a papeira (parotidite) ou sarampo ou febres excessivamente altas.
  • Anormalidades anatômicas.
  • Problemas mitocondriais.
  • Doenças hepáticas.
Remédios Caseiros Para a Infertilidade Masculina

Remédios Caseiros Para Infertilidade Masculina:

  • Consumir diariamente um punhado de sementes de abóbora, já que contêm ácidos graxos essenciais e zinco, os quais ajudam a aumentar o funcionamento do sistema reprodutor masculino e, desta forma, aumentam a produção de esperma.
  • Ferva 1 xícara de água durante 5 minutos e despeje 1 colher de sopa de raiz seca de astrágalo. Deixe esfriar, coe e beba 2 xícaras por dia. O astrágalo é muito útil para aumentar a mobilidade dos espermatozoides.
  • Tome 2 xícaras de infusão de 1 colher de sopa de sálvia diariamente, já que esta planta é rica em zinco; mineral que ajuda a aumentar a testosterona.
  • Consumir 3 dentes de alho cru por dia, o que também é muito eficaz para aumentar a fertilidade masculina.
  • Despeje 1 colher de sopa de raiz de maca em uma xícara que está fervendo. Cubra e deixe esfriar. Coe e beba 3 xícaras por dia.
  • Consuma diariamente 2 xícaras de farinha de aveia, já que aumenta a fertilidade masculina.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Leia também: "Infertilidade Masculina: Causas e Tratamento".

Recomendações: Espere um tempo para se recuperar após uma doença viral. Toda doença viral associada à febre, e até mesmo um resfriado forte, pode reduzir a contagem de espermatozoides por até três meses. Isto se deve ao fato de que o ciclo normal de produção de espermatozoides é de 78 dias; são necessários mais 12 dias para amadurecerem.

Não use esteroides. Os esteroides anabólicos tendem a bloquear a glândula pituitária e, por isso, alteram o equilíbrio hormonal do corpo e inclusive podem causar danos irreversíveis nos testículos.

Tenha cuidado com certos fármacos. Alguns medicamentos contra a úlcera, agentes quimioterápicos e determinados antibióticos podem reduzir significativamente a contagem de espermatozoides. Em caso de dúvida, resulta conveniente consultar o seu médico para mudar a medicação.

Evite o consumo excessivo de bebidas alcoólicas. Diversos estudos realizados nos últimos anos mostram que o alcoolismo crônico e o consumo habitual de maconha também podem ser causadores desses problemas.

Deixar de fumar. De acordo com pesquisas realizadas, o consumo de tabaco tem efeitos nocivos sobre a fertilidade não apenas sobre as possibilidades de conseguir a gravidez, mas também sobre os resultados do tratamento de reprodução assistida.

NÃO PARE AGORA... TEM MAIS DEPOIS DA PUBLICIDADE ;)

Evite calor extremo. É recomendado ter cuidado no momento de tomar banhos em saunas ou banhos de assento muito quentes, já que os espermatozoides morrem se são expostos ao calor. Também é aconselhável evitar o uso de roupas íntimas apertadas ou calças muito ajustadas e prefira, em vez disso, cuecas do tipo boxe e calças largas.

Abster-se por um tempo. A abstinência faz com que os espermatozoides se fortaleçam. Por isso, é recomendável não ter relações sexuais, pelo menos, dois dias antes do período de fertilidade feminino para aumentar o número de espermatozoides.

Evite a obesidade. Um homem com obesidade tem uma menor produção de espermatozoides. Por isso, recomenda-se perder os quilos extras mediante um programa de exercícios.

Adote uma dieta equilibrada e saudável. A falta de antioxidantes e vitaminas atua negativamente sobre o DNA espermático. Também se requer o consumo de micronutriente, como folato, essencial no desenvolvimento de células germinativas.

Praticar técnicas de relaxamento. O estresse é também uma das principais razões que reduzem tanto a contagem de espermatozoides, assim como a qualidade destes, o que afeta seriamente a fertilidade nos homens. Neste sentido, recomenda-se a prática de algumas técnicas de relaxamento diárias, como yôga, meditação e exercícios de respiração profunda. Tenha um descanso adequado e sono adequado, a fim de melhorar o desempenho e mobilidade.