O aspartame e a sucralose são nomes notórios, graças ao crescente interesse na redução de carboidratos em adoçantes de baixas calorias.

No entanto, estes dois edulcorantes e outros também contêm uma série de produtos químicos e ingredientes artificiais que podem ser prejudiciais em última instância. É por isso que muitos médicos, nutricionistas e pessoas que tentam viver uma vida saudável estão migrando para a stevia.

O Que é a Estévia?

Derivada de um arbusto sul-americano estévia é recomendada para qualquer pessoa com diabetes, assim como aqueles que procuram soluções de adoçante natural, baixos em carboidratos, de baixa caloria.

Estévia: Para Que Serve e Como Consumir

Mais importante ainda, a estévia é uma alternativa saudável em comparação com outros adoçantes, já que não contém calorias e um índice glicêmico baixo. Uma escolha ideal para os diabéticos, a estévia é cada vez mais recomendada para aqueles que sofrem de diabetes.

Para Que Serve a Estévia

A estévia ou stevia é um adoçante natural que não contém substâncias químicas ou outros ingredientes impronunciáveis, e na verdade é muito mais doce do que o açúcar e outros adoçantes, e por isso pode ser utilizado com moderação.

Usando a estévia, aqueles que sofrem de diabetes podem agora desfrutar de muitas e deliciosas refeições equilibradas e saudáveis novamente.

Como Consumir a Estévia

No geral, a estévia é vendida em pó ou líquida, e em alguns lugares também vendem as folhas soltas. Como você pode ver, a estévia oferece outra opção para adoçar suas refeições a sua comida e você pode incluir em sua dieta, se sofre de diabetes também. Mas, como tudo na vida, é preciso consumir com moderação. Antes de consumir converse com o seu médico ou nutricionista.

Dra. Patricia Palandi Nutricionista Clínica Funcional e Esportiva

Dra. Patricia Palandi
Nutricionista Clínica Funcional e Esportiva
Dra. Patrícia Palandi é nutricionista, formada pela Universidade de Taubaté - UNITAU com registro no Conselho Regional Nutricionistas CRN3 30298, especializada em Nutrição Funcional Esportiva.