À origem do kefir não se conhece com certeza, mas a hipótese mais difundida é a de que surgiu no Cáucaso (região entre a Europa Oriental e Ásia Ocidental) e anterior ao Islã, sendo já muito popular na época de Maomé.

Foi precisamente nesta época que se observou suas qualidades curativas, principalmente no tratamento de doenças do sistema digestivo.

A fórmula para a sua preparação foi mantida em segredo por um longo tempo, apesar de supostamente Marco Polo ter descoberto em uma de suas viagens para o Oriente, no final do século XIII.

No entanto, não foi até o início do século XIX, quando começou a ser usada no Ocidente como um tratamento para a tuberculose.

O Que É Kefir?

O kefir é uma mistura de bactérias não patogênicas e leveduras que quando se junta com leite ou água (os dois métodos de elaboração) fermenta e dá uma substância com uma textura muito parecida com a do iogurte. Apesar de sua semelhança, são muitas as pessoas que consideram mais saudável o kefir, tanto por seu alto teor de nutrientes e probióticos, como pelo quão benéfico resulta para a digestão e a saúde intestinal.

Existem dois tipos de kefir, o de leite, que é o mais popular ou o de água, a principal distinção entre ambos é a forma de armazenamento. No entanto, o kefir de leite é, sem dúvida, o mais difundido. Com o kefir podemos elaborar uma grande quantidade de alimentos ricos e saudáveis, como cremes de queijo, iogurtes, batidos e leite.

diferencas-entre-kefir-de-agua-e-kefir-de-leite

Devemos estar atentos para o estado do nosso kefir, ou seja, que esteja em boas condições de conservação. Se você observar alterações na sua textura gelatinosa, no seu cheiro ou no sabor deverá se livrar dele e adquirir um novo. Por outro lado, quando comprar certifique-se de que a proveniência e a qualidade sejam as adequadas.

Leia Mais:"Kefir de Água: Benefícios e Como Consumir".

Benefícios do Kefir

Rico Em Vitaminas e Minerais

O kefir contém mais de 40 tipos de microrganismos e vitaminas K, B12, B1, biotina (vitamina que ajuda na assimilação do complexo B), fósforo, cálcio e magnésio.

Restaura a Flora Intestinal

O kefir restaura a flora intestinal, em especial após períodos de diarreia, para conseguir uma boa digestão e absorção dos nutrientes. Isto se deve ao fato de que o kefir elimina dos intestinos os microrganismos prejudiciais, aumentando a população bacteriana benéfica e protetora da saúde.

Possui Triptofano

Possui triptofano, um aminoácido essencial que desempenha um papel fundamental em diversos mecanismos fisiológicos.

Por conter triptofano, o kefir tem um efeito positivo sobre o sistema nervoso, já que melhora os problemas, para conciliar o sono ou aprofundá-lo, e também beneficia as pessoas que sofrem de depressão.

Leia Mais:"Triptofano: Para Que Serve e Como Consumir".

Possui Propriedades Antibacterianas

Alguns probióticos, como o kefir protegem contra as infecções. Estudos têm mostrado que pode inibir o crescimento de certas bactérias prejudiciais, como Salmonela, E. coli e H. pylori. Além disso, o kefiran, um tipo de carboidrato presente no kefir, também tem propriedades antibacterianas.

Melhoria na Saúde Óssea e Reduz o Risco de Osteoporose

A maneira mais adequada de melhorar a saúde óssea e também retardar o avanço da osteoporose é ingerir a quantidade necessária de cálcio e vitamina D, que é essencial para sua absorção.

kefir de leite

Além de ser uma excelente fonte de cálcio, o kefir também tem muita vitamina K2. Este nutriente desempenha um papel vital no metabolismo do cálcio, a tal ponto que tem sido demonstrado que reduz de maneira drástica as fraturas.

Além disso, estudos recentes comprovaram em animais que o kefir aumenta a absorção de cálcio pelas células ósseas, melhorando, portanto, a densidade óssea, o que ajuda a prevenir as fraturas.

Benefícios do Kefir Para A Pele

  • Como um antioxidante natural ajuda significativamente na elaboração de colágeno, o que promove a elasticidade da pele e melhora a sua aparência, colaborando no controle das temidas rugas.
  • Combate também outros sinais de envelhecimento, ajudando as células a se reparar e proteger.
  • Possui propriedades que combatem problemas fúngicos, como candidíase ou herpes.
  • Também é um bom antisséptico, pois colabora na cicatrização de feridas ou abrasões.
  • Previne a acne e se nós já temos, ajuda no controle e paralisação deste transtorno.
  • O kefir também nutre os cabelos, dando vitalidade e luz.
  • Com sua função desintoxicante notaremos o nosso corpo cheio de vitalidade, algo que se refletirá em nossa pele.
  • Se você sofre de psoríase ou eczema será ideal o consumo de kefir como um método complementar ao tratamento que nos indicou o médico.

Como Consumir o Kefir

Despeje em um recipiente de vidro ou porcelana um litro de leite fresco integral na temperatura ambiente. Adicione de 2 a 4 colheres de sopa de grãos de kefir. Tampe o recipiente para evitar impurezas, com um papel toalha, já que alguns gases são expelidos.

Deixe fermentar por cerca de 12 a 48 horas, fora da geladeira em temperatura ambiente. Em seguida, coe e tome o leite coado que vai estar com consistência de iogurte nas próximas 24 horas (sem refrigeração) e por até cinco dias (armazenado na geladeira). Para ter sempre a mão o kefir, adicione um novo leite fresco e coloque os grãos de kefir para fazer uma nova fermentação.

Na preparação do kefir não se deve usar utensílios de metal, use utensílios de silicone.

Você pode consumir o kefir puro, batido com frutas (como uma vitamina), adicioná-lo em receitas, como você preferir, só não deixe de consumir.

Dra. Patricia Palandi Nutricionista Clínica Funcional e Esportiva

Dra. Patricia Palandi
Nutricionista Clínica Funcional e Esportiva
Dra. Patrícia Palandi é nutricionista, formada pela Universidade de Taubaté - UNITAU com registro no Conselho Regional Nutricionistas CRN3 30298, especializada em Nutrição Funcional Esportiva.