As petéquias são pequenas manchas que aparecem na pele e que têm uma cor que vai de púrpura, marrom ao vermelho escuro. Encontram-se vinculadas com as hemorragias subcutâneas causadas por capilares rompidos (pequenos vasos sanguíneos).

Embora as petéquias sejam bastante comuns, são observadas com maior frequência em pacientes com transtornos plaquetários ou de coagulação.

Normalmente, as petéquias se referem a pontos que são menores do que alguns poucos milímetros de tamanho, mas, em alguns casos; podem se fundir várias petéquias, o que resulta em uma grande mancha que tem mais de alguns poucos centímetros de diâmetro (conhecida como púrpura) ou que cobre uma área maior.

Apresentam-se, especialmente, ao redor dos pés e tornozelos, e também podem aparecer no rosto e pescoço. As manchas de petéquias não se encontram sob a planta do pé, porque estão por tecido adiposo.

Certos fatores podem desencadear o desenvolvimento de petéquias como:

  • Traumatismo direto ou lesão que danifica os capilares.
  • Aumento repentino da pressão abdominal ou craniana, causado por espirros, risos, vômitos ou fadiga nas fezes.
  • Trombocitopenia, ou seja, baixa contagem de plaquetas.
  • Doenças autoimunes.
    Remédios Caseiros Para Petéquias
  • Envelhecimento da pele.
  • Certos medicamentos, como aspirina, clopidogrel, etc.
  • Leucemia ou pacientes com câncer em radio ou quimioterapia.
  • Bacteremia ou septicemia associada com uma infecção.

Leia também: “Causas Menos Comuns de Manchas na Pele“.

Remédios Caseiros Para as Petéquias

  • Aplicar compressas de gelo ao redor da área afetada pode ajudar a prevenir as petéquias na pele.
  • Use medicamentos homeopáticos, como Arnica Montana, o qual se considera muito útil no tratamento das manchas de hemorragia e petéquias.
  • Despeje 1 colher de sopa de dente de leão em uma xícara de água e ferva durante 5 minutos. Deixe esfriar e coe. Tome uma xícara por dia. Este remédio ajuda a melhorar as funções do fígado e, portanto, melhora as propriedades de coagulação do sangue, evitando assim o aparecimento de manchas de petéquias.
  • Despeje 3 colheres de sopa de cinoglossa em um litro de água e ferva por 10 minutos. Passado esse tempo, cubra e deixe esfriar. Coe e embeba um pano com esta infusão. Aplique sobre à área afetada.
  • Pegue uma boa quantidade de tomilho (de preferência fresco) e coloque de molho com álcool de vinho e deixe marinar por cerca de três semanas, aproximadamente, em um lugar fresco e tranquila. Realize fricções com esta preparação para reforçar a pele, estimulando a circulação local.
  • Despeje 1 colher de sopa de folhas de ginkgo biloba em uma xícara de água e ferva durante 5 minutos. Cubra e deixe esfriar. Tome uma xícara por dia.
  • Despeje em 1 litro de água um punhado de castanha da Índia e ferva durante 10 minutos. Cubra, deixe esfriar e coe. Embeba um pano com esta preparação e aplique na área afetada.
  • Aplique óleo de noz ou óleo de abacate na pele para melhorar sua textura e elasticidade. A pele solta e envelhecida é mais propensa a petéquias do que uma pele saudável.

Recomendações:

  • Evite a ingestão excessiva de alimentos como cebola, alho, etc. Estes alimentos são anticoagulantes naturais e retardam o processo de coagulação, aumentando o risco de formação de petéquias.
  • Consulte o seu médico se as petéquias são efeitos colaterais de alguns dos medicamentos que você está consumindo.
  • Faça a ingestão de vitamina K, a fim de melhorar a capacidade de coagulação do sangue ou prevenir marcas de petéquias.